Missão JRA Jardim Zoológico de Lisboa 2017 | Conservação “ex situ”

abae logo

ecoescolas

-

Inês Português, aluna do 2.ºano do Curso Profissional Técnico de Receção, que frequenta o Colégio Nossa Senhora da Graça, em Vila Nova de Milfontes, participou na Missão JRA (Jovens Repórteres para o Ambiente) no Jardim Zoológico, através da ABAE (Associação da Bandeira Azul da Europa), que decorreu entre 1 e 4 de março de 2017, em Lisboa.

1 de março, quarta-feira

Assim que chegámos ao Jardim Zoológico, juntámo-nos logo à entrada e fomos à Baia dos Golfinhos ver a apresentação dos Golfinhos e dos Leões-marinhos em simultâneo na mesma apresentação, com destaque especial para os comportamentos aquáticos.
De seguida, fizemos uma visita guiada pelo jardim zoológico. Conhecemos inúmeras espécies de animais: Girafas, Primatas, Elefantes, Tigres, Zebras e Cobos, entre outros. Visitámos o reptilário, onde vimos cobras, lagartos e também tartarugas, e o Bosque Encantado, onde foi possível observar as aves. No final da visita, juntámo-nos numa sala e realizou-se o Ice-breaking, que serve para os jovens repórteres se conhecerem melhor. Após isso, criaram-se os grupos de trabalho.

Baia dos golfinhos – Apresentação de Golfinhos e Leões-marinhos
Durante a visita guia, observamos as girafas.

À noite tivemos a possibilidade de estar à conversa com um tratador de leões e de realizar uma visita aos felinos. A mesma foi realizada durante a noite, pois é nesta altura que esta espécie demonstra maior atividade. Foi uma noite bastante agradável, não só pela visita, mas também devido às histórias que o tratador contava sobre os sustos que apanhou enquanto trabalhador do jardim zoológico.

2 de março, quinta-feira

Continuámos a visita pelo Jardim Zoológico. Tivemos a possibilidade de visitar as instalações do Centro de Nutrição, onde podemos ver as dietas de cada espécie e as respectivas porções diárias adequadas, e a Clínica Veterinária. Apesar de muitos animais serem tratados no seu habitat, os animais de pequenas dimensões, como as aves e os primatas, são tratados nesta clínica.

Centro de Nutrição – onde é confecionada e racionalizada a comida para as espécies.

Após as visitas, fomos à Tapada do Lince Ibérico onde se encontravam dois linces, uma fêmea e um macho. Gamma, o macho, gosta de ficar a deambular no solo. Azahar, a fêmea, prefere as copas das árvores. São exemplo de que a personalidade difere mesmo em animais pertencentes à mesma espécie. Neste dia observámos um enriquecimento ambiental, uma prática bastante frequente no Jardim Zoológico, sempre a pensar no bem-estar das espécies. No caso deste casal de linces, a sua reintrodução no habitat natural não é possível, uma vez que o macho é epilético e a fêmea, devido à sua idade já avançada, não consegue reproduzir-se. Consequentemente, permanecem no Jardim para fins de investigação.

Rui Bernardino, Veterinário residente do Jardim Zoológico há 11 anos.
Gamma em busca de alimento.

De seguida, fomos ao Centro Pedagógico do Jardim Zoológico onde foram debatidos temas como a Conservação ex-situ e in-situ e o Enriquecimento Ambiental. A diretora deste centro, Antonieta Costa, falou-nos um pouco sobre o seu percurso académico e profissional e apresentou a história e os principais objetivos do Jardim Zoológico.

 

Durante a tarde, realizámos um peddy paper bastante interessante, pois para chegarmos aos locais definidos tínhamos de primeiramente decifrar enigmas para chegarmos às placas dos animais e descobrirmos a pista seguinte. No final, assistimos à “Apresentação de Aves em Voo Livre”.

Antonieta Costa dirigindo-se aos Jovens Repórteres para o Ambiente.
Jovens Repórteres para o ambiente com os enigmas do Peddy paper na mão.

Findo o dia, fomos jantar ao restaurante “Príncipe do Calhariz”, passeámos pelo Bairro Alto até ao Terreiro do Paço, conhecemos um pouco mais da cidade e enriquecemos as amizades com os colegas, mas também com os monitores que nos acompanharam.

 

3 de março, sexta-feira

Findo o dia, fomos jantar ao restaurante “Príncipe do Calhariz”, passeámos pelo Bairro Alto até ao Terreiro do Paço, conhecemos um pouco mais da cidade e enriquecemos as amizades com os colegas, mas também com os monitores que nos acompanharam.

 

”Apresentação de Aves em Voo Livre”.
Eu a tocar num Koala fêmea.

Este dia foi dedicado ao tema “Ser tratador por um dia”. O meu grupo ficou responsável pelos Koalas, os Guaxinins e os Pandas Vermelhos. Ser tratador por um dia consistia em alimentar- mos os animais e limpar o seu habitat. Não foi muito fácil desempenhar esta tarefa com os Guaxinins e com os Pandas Vermelhos, visto que estava um dia chuvoso, o que dificultou aas nossas tarefas, porém foi muito enriquecedor. Tive a felicidade de poder fazer um carinho a um Guaxinim e ele até se agarrou à minha perna a pedir mais. Para mim, foi este o ponto alto desta missão.

 

No fim de tratarmos dos animais, fomos concluir as reportagens e preparar as apresentações para o dia seguinte.

Eu e a minha equipa a realizar os trabalhos.

No fim da noite estivemos na brincadeira uns com os outros no auditório do Colégio Valsassina, onde ficámos a dormir.

Toda a equipa de Jovens Repórteres para o Ambiente, depois de toda a diversão.
4 de março, sábado

Neste dia de manhã, procedeu-se à apresentação de todos os trabalhos realizados pelos grupos de trabalho, no auditório do Jardim Zoológico. Todos os interessados estavam convidados: pais, amigos e funcionários do Jardim. No fim das apresentações fomos almoçar e terminou a Missão no Jardim Zoológico.

Eu e o meu grupo momentos antes da apresentação dos trabalhos.
O grupo de Jovens Repórteres para o Ambiente com toda a equipa que nos acompanhou durante os quatro dias de missões. Tirada no dia 3 de março, dia em que se comemora o “Dia Mundial da Vida Selvagem”.
Fotografias que marcaram o meu percurso nesta missão.

Podem aceder a todos os trabalhos, reportagens, fotorreportagens e vídeos neste link: http://jra.abae.pt/missions/conservacao-ex-situ-2017-reportagens/

JRA Inês Português

logo me 2016

logo 2020 logo POCH logo CE logo erasmusmais logo escolavoluntaria
© 2017 Colégio de Nossa Senhora da Graça. Todos os direitos reservados.

Please publish modules in offcanvas position.